Cultura, Entertainment, Entretenimento

Grammys 2015

Sam Smith ganha quatro prêmios de destaque, Beck desbanca Beyocé e Kanye West sobe ao palco inconformado

Por Flávia Polles e Bianca Nin McMahan

SamSmithWins_633

A noite de premiação da indústria da música foi polêmica e cheia de surpresas. Sam Smith ganhou quatro dos principais prêmios como Artista Revelação, Música do Ano e Gravação do Ano com a música “Stay With Me”.

Beyoncé foi a líder do R&B e recebeu três prêmios de Melhor performance R&B ; canção R&B   “Drunk in Love” e de Melhor Álbum Surround Sound por” Beyoncé”. A cantora surpreendeu o público com seu discurso de agradecimento.

Pharrell Williams também teve destaque no evento com três Grammys de Melhor performance Pop – “Happy”; Melhor album Urbano contemporâneo “Girl” e melhor vídeo clipe por “Happy”.

Screen Shot 2015-02-10 at 1.26.52 AM

Mas, a surpresa do ano foi a premiação de Melhor Álbum do Ano com “Morning Phase”. Foi quando Kanye West, inconformado porque achava que o prêmio seria de Beyoncé, subiu ao palco e quase repetiu o discurso que fez no VMA de 2009. Dessa vez, ele não foi tão longe quanto quando interrompeu Taylor Swift para dizer que Beyoncé merecia o prêmio.

perry

As performances da noite foram espetaculares. Com direito a um “protesto” contra a violência doméstica com vídeo do Presidente Obama lançando a campanha “It’s On Us” contra a violência sexual em universidades seguido de um show de Katy Perry inspirado no tema.

sia-grammy Sia

Entre as melhores da noite estão o tributo de Usher a Stevie Wonder com “If It’s Magic” e  Sia – que ainda não mostra o rosto – com “Chandelier” e participação de sua dançarina Maddie Ziegler e da atriz – não deixando a desejar em sua expressiva performance corporal – Kristen Wiig. As outras permanece foram de Tom Jones e Jessie J, “You’ve Lost That Lovin’ Feelin’; Adam Levine e Gwen Stefani, “My Heart Is Open”; Eric Church, “Give Me Back My Hometown”;  Ariana Grande, “Just a Little Bit of Your Heart”; AC/DC, “Rock or Bust” / “Highway to Hell”; Beck & Chris Martin, “Heart Is a Drum”; Electric Light Orchestra, “Evil Woman” / “Mr. Blue Sky”; John Legend e Common, “Glory”; Juanes, “Juntos”; Hozier e Annie Lennox, “Take Me to Church” / “I Put a Spell on You”; Sam Smith e Mary J. Blige, “Stay With Me”; Madonna, “Living for Love”; Ed Sheeran e amigos, “Thinking Out Loud”; Kanye West, “Only One”; Beyoncé, “Take My Hand, Precious Lord”; Pharrell, “Happy”; Katy Perry, “By the Grace of God”; Lady Gaga e Tony Bennett, “Cheek to Cheek”; Brandy Clark e Dwight Yoakam, “Hold My Hand”; Rihanna, Kanye West e Paul McCartney, “FourFiveSeconds”; Miranda Lambert, “Little Red Wagon”.

rs_560x415-150209092159-1024.Best-Performance-Looks-2015-Grammys-JR-2915

E aqui vai a lista completados ganhadores da 57ª edição do Grammy:

Gravação do Ano
“Stay With Me” – Sam Smith

Música do Ano
“Stay With Me” – Sam Smith

Álbum do Ano
Beck – Morning Phase

Artista Revelação
Sam Smith

Melhor Álbum Country
Platinum – Miranda Lambert

Melhor Performance Pop
Pharrell Williams – “Happy”

Melhor Álbum Pop Vocal
Sam Smith – In The Lonely Hour

Melhor Álbum Rock
Beck – Morning Phase

Melhor Performance R&B
Beyoncé part. Jay Z – “Drunk In Love”

Melhor Duo Pop/ Performance em Grupo
A Great Big World With Christina Aguilera – “Say Something”

Melhor Álbum Tradicional Pop Vocal
Tony Bennett & Lady Gaga – Cheek To Cheek

Melhor Performance Rock
Jack White – Lazaretto

Melhor Performance Metal
Tenacious D – The Last In Line

Melhor Canção Rock
Paramore – “Ain’t It Fun” – Hayley Williams & Taylor York, autores

Melhor Álbum Alternativo Rock
St. Vincent – St. Vincent

Melhor Performance Rap
Kendrick Lamar – “i””

Melhor Colaboração Rap
Eminem part. Rihanna – “The Monster”

Melhor Canção Rap?
Kendrick Lamar – “i” K. Duckworth & C. Smith, autores

Melhor Álbum Rap
Eminem – The Marshall Mathers LP2

Melhor Performance Tradicional R&B
Jesus Children – Robert Glasper Experiment part. Lalah Hathaway & Malcolm-Jamal Warner

Melhor Canção R&B
Beyoncé part. Jay Z – “Drunk In Love” – Shawn Carter, Rasool Diaz, Noel Fisher, Jerome Harmon, Beyoncé Knowles, Timothy Mosely, Andre Eric Proctor & Brian Soko, autores

Melhor Álbum Urbano Contemporâneo
Pharrell Williams – Girl

Melhor Álbum R&B
Toni Braxton & Babyface – Love, Marriage & Divorce

Melhor Álbum Instrumental Contemporâneo
Chris Thile & Edgar Meyer – Bass & Mandolin

Melhor Álbum Eletrônico/Dance
Aphex Twin – Syro

Melhor Gravação Dance
Clean Bandit part. Jess Glynne – “Rather Be”

Melhor Coletânea para Trilha-Sonora
Frozen – Kristen Anderson-Lopez, Robert Lopez, Tom MacDougall & Chris Montan, produtores

Melhor Trilha-Sonora Original
Grande Hotel Budapeste – Alexandre Desplat, compositor

Melhor Canção para Trilha-Sonora
“Let It Go” de Frozen – Kristen Anderson-Lopez & Robert Lopez, autores (Idina Menzel)

Melhor Performance Country
Carrie Underwood – “Something In The Water”

Melhor Duo/Performance Grupo Country
The Band Perry – “Gentle On My Mind”

Melhor Canção Country
“I’m Not Gonna Miss You” – Glen Campbell & Julian Raymond, autores (Glen Campbell)

Melhor Álbum Bluegrass
The Earls Of Leicester – The Earls Of Leicester

Melhor Performance Roots Norte-Americano
Rosanne Cash – “A Feather’s Not A Bird”

Melhor Canção Roots
Rosanne Cash – “A Feather’s Not A Bird”

Melhor Álbum Americana
Rosanne Cash – The River & The Thread

Melhor Álbum Folk
Old Crow Medicine Show – Remedy

Melhor Videoclipe
Pharrell Williams – “Happy”

Melhor Composição Instrumental
John Williams – “The Book Thief”

Melhor Arranjo Instrumental ou A Cappella
Pentatonix – “Daft Punk”

Melhor Arranjo, Instrumental e Vocal
Billy Childs – “New York Tendaberry”

Melhor Pacote de Gravação
Pearl Jam – Lightning Bolt – Jeff Ament, Don Pendleton, Joe Spix & Jerome Turner, diretores de arte

Melhores Notas de um Álbum
Ashley Kahn, John Coltrane – Offering: Live At Temple University

Melhor Engenharia de Som, Não Clássico
Beck – Morning Phase – Tom Elmhirst, David Greenbaum, Florian Lagatta, Cole Marsden Greif-Neill, Robbie Nelson, Darrell Thorp, Cassidy Turbin & Joe Visciano, engenheiros; Bob Ludwig, engenheiros de som

Melhor Álbum Surround Sound
Beyoncé – Beyoncé – Elliot Scheiner, engenheiro de mixagem; Bob Ludwig, engenheiro de mixagem; Beyoncé Knowles, produtora de mixagem

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s