Entertainment, Esporte, film, Fitness, Sports

Invencível, Ronda Rousey ganha mais uma luta de MMA no UFC 184 – Total de 11 vitórias

Por Bianca Nin McMahan

1 Word of the day: Victory

la-sp-sn-ufc-184-rousey-zingano-live-updates-20150228
Ronda Rousey torce o braço de Cat Zingano e vence a luta do UFC 184  por 14 segundos.

UFC 184 – Ronda x Cat 

A competição foi acirrada entre as lutadoras Ronda Rousey e Cat Zingano, neste sábado, 28 no Staples Center em Downtown Los Angeles. A única mulher campeã da categoria peso-galo da história da UFC manteve seu título por apenas 14 segundos. Ronda torceu o braço de Cat e anotou a 11ª vitória da sua carreira como lutadora de MMA. Até hoje nenhuma oponente ganhou Ronda e a única que passou de cinco minutos foi surrada por três rounds até sucumbir a uma chave-de-braço, o golpe favorito da campeã. Aposentada da carreira como judoca, Ronda foi a primeira atleta estadunidense a levar uma medalha olímpica para mulheres no judô, nos Jogos Olímpicos de Verão de 2008.

Entrevista Exclusiva Ronda Rousey 

Captura de Tela 2015-03-01 às 01.30.34 PM Em julho de 2011 tive a oportunidade de entrevistar Ronda Rousey na praia de Santa Monica para um programa de artes marciais no Brasil. Ela foi recomendada pelo invencível Gene Lebell, o campeão nacional de judô nos Estados Unidos e coordenador de dublês para mais de mil filmes em Hollywood. Gene vinha observando a carreira da atleta de judô e MMA e rogou a praga que ela seria a nova sensação do mundo das artes marciais. Não deu outra. Em 10 de novembro de 2012 foi  a primeira lutadora contratada pelo UFC, se tornando um fenomeno no meio das lutas de MMA desde então.

Q: Quais são seus planos para o futuro?

A: Eu tenho varias opções disponíveis para mim agora. Gostaria de ganhar a Strikeforce categoria peso- galo feminino e ser a melhor mulher em MMA do mundo, o que estou treinando agora. Depois disso gostaria de abrir minha propria academia de luta e continuar ensinando. Ronda me recebeu em 2011 na academia de luta que ensinava judô em Santa Monica e em um dos seus lugares favoritos na praia de Santa Monica, onde cresceu. A lutadora nem imaginava que sua carreira ia decolar como atriz também. No ano de 2014 estreou com o filme “Os Mercenários 3” e já participou do “Verozes & Furioso”s 7 e” Entourage”. Nesse último sábado em entrevista ela disse que seu próximo compromisso será gravar um filme que ainda mantêm em sigilo. Só depois das gravações que sua próxima luta será negociada. Talentosa, bonita e confidente. Ronda me contou que teve dificuldade com seu corpo musculoso quando crescia, mas que com o tempo com a exposição da mulher como herói nos filmes foi mudando sua perspectiva e aumentou a sua auto-estima.

usa-today-8413444.0
11a Vitória da lutadora de MMA – UFC 184

rondarousey4
Pré estréia do filme “Os Mercenários 3”
 Q: Como você se considera perante ao mundo e vice-versa?  A: Eu me considero tendo duas personalidades como Clark K e o Superman. A pessoa que sou vista na academia seria como a super mulher, focada no  trabalho, só quero lutar e obter o respeito pelos homens que ensino e luto, tentando apagar a minha feminidade. Já fora dos tatâmes não acredito que sou vista de uma forma tão masculina, pois cuido do meu corpo, cabelo, uso maquiagem e me visto tentando explorar minha feminidade. Sim ela sabe ser bonita e feminina. Ronda Rousey enfatizou a citação do seu amigo boxeador e ator:

“Preste atenção nas lutadoras bonitas, essas são as que nunca perdem” – Gary Stretch Rousey-Cover_0

Cultura, Entertainment, Entretenimento

21º Prêmio do Sindicato Americano de Atores (SAG Awards)

Por Bianca Nin McMahan

O longa “Birdman” voou alto e recebeu premiação de excelência em cinema do Sindicato de Atores dos Estados Unidos (SAG) como melhor performance de elenco neste domingo (25).

O ano de 2015 começou com diversos acontecimentos na cidade de Los Angeles, principalmente no mundo de entretenimento. Nesse clima  pré Oscar “Birdman” ou  “A inesperada virtude da ignorância” foi o favorito na premiação do  SAG – Screen Actors Guild Awards, recebendo a estatueta apelidada “The Actor” para melhor performance de um elenco de filme. Já na categoria de melhor ator, o vencedor foi Eddie Redmayne de  “A Teoria de Tudo” e para melhor atriz Juliane Moore de “Para Sempre Alice”. O filme “Boyhood: Da infância à juventude”, filmado ao longo de doze anos também foi reconhecido pela atuação da atriz coadjuvante Patricia Arquette que levou a premiação. O vencedor de melhor ator coadjuvante foi J.K Simmons de “Whiplash – Em busca da perfeição”, um filme estadunidense. 

SAG Awards é um prêmio de excelência em filme e TV do Sindicato Americano de Atores , no qual as indicações aos prêmios são realizadas por 4200 membros escolhidos ao acaso pelo sindicato.  Na categoria TV os vencedores como Melhor performance de elenco de Comedia de TV foi o “Orange is the New Black” e como TV Drama: “Dowton Abbey”.